sigoescrevendo

Um manifesto de palavras sob a regência de cada momento.



Cebu, Filipinas, 2019

Escrever. Respirar.
Quantas vezes já os fiz sem pensar?

O sentimento e o sentido existem
independentes às delimitações do saber.

Conhecimento é feito luz:
flagra um recorte do todo que acontece
em silêncio.

Nem sempre entendo quando escrevo.
O que escrevo?
Só escrevo.
– embora sempre o sinta.

Poesias quando nascem
não precisam ter razão.
Elas são como o ar:
vitais,
até para quem sequer as percebem.

(Marcelo Penteado)


Minha vez de ler: deixe um comentário! ;)

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: